5 erros que todo motorista iniciante comete

Quais são os 5 erros que todo motorista iniciante comete??? 

Se você tem pouco tempo de plataforma precisa ler esse artigo. 

Será que você comete estes 5 erros também? Leia até o final para ver quais são os cinco principais erros que todo novato comete, e no final deixe nos comentários sua opinião. Eu quero saber se concorda ou não, ou se tem mais algum erro que você acha que eu deveria incluir.

Existem uma série de erros que são comuns na hora que você vai ingressar no transporte por aplicativo. Eu selecionei os cinco principais que eu considero mais importantes.

grupo de motoristas whatsApp
Participe do grupo de motoristas no whatsApp
botao-clique-aqui

1º erro que todo motorista iniciante comete! 

“Achar que para receber chamadas, basta estar online” 

Moltrack Rastreamento veicular
Ficar online no app motorista

O primeiro erro comum que todo iniciante comete ao instalar o aplicativo é ficar online e achar que já vai começar a receber ótimas chamadas a qualquer hora do dia, em qualquer lugar e dia da semana. 

De fato basta ficar online que você começa a receber viagens, mas nem toda viagem é de fato boa, quem já trabalha a algum tempo sabe que a coisa não é bem por aí, e a estratégia conta muito. 

Para trabalhar no aplicativo, você precisa ter algum conhecimento de sua cidade, quais são os horários que as pessoas estão se deslocando, para onde elas vão, quais são os dias da semana que tem mais pessoas.

Saber se posicionar e principalmente saber identificar os pontos da sua cidade terão as melhores viagens é fundamental e pode ser a diferença do sucesso e do fracasso. 

Um bom exemplo é esperar próximo a mercados. Sempre tem passageiros mas as viagens não são tão boas.

2º erro que todo motorista iniciante comete! 

Aceitar qualquer chamada, sem prestar atenção nas informações do app. 

O segundo item é muito importante, pois tem a ver com segurança. 

Aceitar qualquer tipo de chamado sem prestar atenção nas informações presentes na solicitação é suicídio. 

Não prestar atenção nas informações, principalmente na Uber pode ser um grande problema. Pois muito do que você precisa saber já está na tela inicial. 

Observar qual a nota do passageiro já adianta o que está prestes a acontecer. Uma nota ruim é um indício fortíssimo de que aquele passageiro pode ser problemático. 

Por aí, você já consegue fazer uma pré triagem para saber se esse chamado vai ser uma boa ou se ele vai te colocar em uma fria. Eu particularmente tenho uma nota de corte de 4,70, mas dependendo da sua cidade as notas dos passageiros, podem ser um pouco mais baixas ou um pouco mais altas. 

Não existe um limite de quilometragem de você pode rodar para buscar um passageiro sem ter prejuízo, eu geralmente rodo até uns 2km para buscar o passageiro. Se você entender que é uma via rápida, e que você vai chegar rápido ao passageiro, dá pra rodar até uns 3. 

Não observar isso pode ser um problema pois seu lucro vai embora, além de gastar um tempo precioso, onde você poderia aceitar outras corridas mais lucrativas. 

3º erro que todo motorista iniciante comete! 

Ficar parado desatento com o que acontece ao redor. 

Quando um motorista que chega no local para embarcar um passageiro é muito importante que 

ele permaneça atento ao seu redor, isso evita uma série de problemas. 

Geralmente o motorista pega o telefone e fica ali no whatsApp ou nos grupos, ele fica fazendo qualquer coisa, menos prestar atenção no que está acontecendo a sua volta.

Se você trabalha de dia, ou a noite, é importante ficar sempre alerta! 

Cuidado sempre pois uma grande parte dos assaltos ocorrem justamente nesta hora, e se manter atento pode evitar a maioria dos problemas

Então sempre que estiver parado, fique alerta, observe o que acontece ao redor, olhe os espelhos, e pare sempre um pouquinho antes de onde o passageiro pediu, para dar tempo de você analisar o perfil da pessoa que vai entrar em seu carro. 

Se uma mulher chamou, e quem está vindo é um homem, já acende-se um sinal vermelho então preste atenção no exterior sempre! 

4º erro que todo motorista iniciante comete! 

Ficar rodando atrás de corrida. 

curso-para-motorista-uber
Fature mais nas plataformas
mais informações botao

Esse erro é bem comum. Eu mesmo já cometi, e tenho certeza que você também já cometeu. 

É muito comum o motorista começar a rodar de um lado para o outro na hora que parou de chamar. 

Ele está no carro e não chama. O que ele faz? Liga o carro e começa a rodar atrás de passageiro. 

Ter conhecimento da cidade e de seus horários pode ajudar muito a economizar combustível, 

Você que está iniciando aí no transporte por aplicativo, saiba que pra nós combustível matéria prima do seu trabalho e desperdiçar é o mesmo que ter prejuízo. 

Fazer o máximo com o mínimo de combustível, pode determinar o sucesso ou o fracasso do seu trabalho. 

Lembre-se que shoppings, hotéis, comércios, indústrias, escolas ou prédios comerciais, dependendo do horário e aeroportos sempre tem demanda. Procure sempre economizar combustível e conservar seu veículo rodando o mínimo possível. 

5º erro que todo motorista iniciante comete! 

Correr atrás de dinâmica. 

O quinto e erro, é ainda muito comum, que praticamente todo motorista iniciante comete e acredite, até motoristas veteranos cometem até hoje é correr atrás de tarifas dinâmicas.

Geralmente quando o motorista é iniciante, tenta aproveitar a tarifa dinâmica. 

E em alguns casos ele está na periferia, e aparece uma tarifa dinâmica lá no centro, ele anda, acelera para chegar mais rápido na dinâmica, e quando chega lá a dinâmica acaba. 

O problema é que quando aparece uma dinâmica, vai todo mundo correndo pra lá e quando chega acaba e é justamente isso que as plataformas querem que aconteça, pois a tarifa dinâmica é um desequilíbrio entre oferta e demanda. 

Quando os motoristas chegam a oferta e demanda se equilibram e a dinâmica acaba.

E ai o que achou do artigo ? Por favor faça sua avaliação e deixe um comentário.


Paulo Teodoro
Paulo Teodoro

Tenho uma bela esposa e 4 lindos filhos! Já trabalhei de quase tudo que você possa imaginar. Hoje, sou motorista profissional, redator, e estudante de marketing e economia.

Deixe uma resposta